Blog de Jornalismo Especializado, Universidade Lusófona Porto

09
Mar 10

 

revista especializada: National Geographic

 

revista generalista: Sábado

 

           Desde já, as primeiras semelhanças que encontramos ao analisar as duas revistas de acordo com os objectivos dados, são na capa das duas revistas. Elas apresentam informação adicional sobre outros temas que retratam ao longo da revista, e uma foto sobre a reportagem mais importante. De salientar ainda que as duas revistas apesar de apresentarem características que as assemelham na capa, o conteúdo encontra-se ligeiramente diferente.

A revista generalista encontra-se dividida por secções desde a entrevista, destaque, Portugal, mundo, dinheiro, segurança, sociedade, família, social, desporto, ate às artes. Enquanto que a especializada apenas apresenta as páginas das reportagens.

Não há diferenças significativas que se possam apresentar quanto ao formato das reportagens e aos fait-drivres, ambos são apresentados com um antetítulo, título, e super-lead. Ambas têm páginas dedicadas à opinião dos leitores (exemplo: “Sábado”- 3pag; “National”- 2pag), editorial (“Sábado”- Inicio; “National”- meio), reportagens (“Sábado”- duas extensas; “National”- seis extensas), e fotografias que maioritariamente ocupam uma página. A revista generalista além de notícias, reportagens, expõe outros artigos jornalísticos, como a entrevista (cinco entrevistas), curtas reportagens, e informação sobre o que tem no site da revista.  

Uma diferença que também se deve salientar é ao facto de a revista generalista tratar de um modo muito mais abrangente a informação sobre temas actuais, mais propriamente notícias insólitas com uma linguagem corrente, e a revista especializada trata informação ligada à ciência com os seus termos técnicos, exemplo: “Espaço interestelar” ou “nevoeiro de hidrocarbonetos, cobertas de gelo flutuante por cima do que pode ser um oceano oculto”.

Em suma, apesar de uma revista ser generalista e a outra especializada não há diferenças no que toca à sua maneira de fazer uma reportagem ou notícias, o jornalista encontra-se sempre neutro, desenvolvendo apenas o que lhe compete. Fotografias e “infografias” estão presentes em grande quantidade nas duas revistas. A diferença que se pode referir é como cada uma trata de maneira diferente os assuntos: a forma como expõe a reportagem e as fotografias (na revista generalizada mostra mais criatividade e cor), o conteúdo e a forma de escrita vai também tornar-se diferente. 

publicado por luanabarbosa às 22:44

Março 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
12
13

14
15
16
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30
31


pesquisar
 
blogs SAPO