Blog de Jornalismo Especializado, Universidade Lusófona Porto

15
Mai 13

“ Mesmo diferentes, somos todos iguais, somos todos seres humanos”

                Elisabete, Colaboradora no APPACDM de Gaia

 

 

 

                Os portadores de deficiência mental são muitas vezes excluídos ou olhados de lado pela sociedade. É neste sentido que instituições como a Associação de Pais e Amigos do Cidadão Deficiente Mental lutam diariamente.

 

                Tal como afirma Maria Santos, professora no APPACDM de Gaia, “ em muitos casos cuidamos deles desde que nascem até que morrem”.

 

 

                Esta instituição encontra-se espalhada por todo o país, nomeadamente em Gaia, Aveiro, Braga, Trofa, Maia, Coimbra, Lisboa, Fundão …

 

Localização do APPACDM em Portugal
Localização da associação no país

 

 

 

 

                Contudo, muitas pessoas têm um total desconhecimento da existência destas instituições. Maria Santos afirma que “ temos muito poucos apoios. O trabalho que fazemos com estas crianças e jovens é um trabalho árduo, que necessita de muita ajuda e por vezes sentimos que não temos os apoios que necessitamos”

 

                Neste sentido, o APPACDM de Gaia, no passado dia 28 de Abril realizou a “ Caminha dos Sorrisos” com dois objetivos: apelar a consciencialização da inclusão do deficiente mental na sociedade e também como comemoração do seu quadragésimo aniversário.

 

               

                A caminha contou com mais de 600 participantes, entre eles a ex-atleta olímpica Aurora Cunha.

 

                Sílvia Teixeira, mãe de um jovem de 35 anos com trissomia 21, afirma que o seu filho “ adora que as pessoas metam conversa com ele, e é ele que também muitas vezes faz com que eles falem com ele”.

                Para Sílvia, Vasco é o seu orgulho. Desde cedo que “ ao contrário de muitos país que têm vergonha dos seus filhos, eu ia com o Vasco ao café, sempre o habituei a vir comigo para onde quer que eu fosse”. 

 

 

                No decorrer da caminhada, os sorrisos estiveram sempre presentes e foram muitos os gestos de carinho que foram possíveis observar.

 

 

                A caminhada terminou com a atuação dos jovens do APPACDM de Gaia juntamente com um rancho, onde as palavras que predominaram eram “ diferentes, mas iguais”. 

 

 

 

 

 

Reportagem sobre a Caminhada: 

Mais informações sobre o APPACDM de Gaia: 
Trabalho realizado por: 
Juliana Moreira 
publicado por Beneath Your Beautiful às 09:03

Maio 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

16
17
18

19
20
21
22
23

26
28
29
30
31


pesquisar
 
blogs SAPO