Blog de Jornalismo Especializado, Universidade Lusófona Porto

12
Abr 12

O filme “State of play” retrata o processo de investigação jornalística numa redação Americana, sobre dois casos que inesperadamente interligam-se.

A história inicia-se com o homicídio de um jovem drogado e com o coma de outro, aparentemente reversível. Na manha seguinte, o jornalista Cal McAffrey, o famoso jornalista de investigação, vai ao local do crime recolher informações devido a ajuda da sua fonte, o detective Donald Bell.

Paralelamente, decorre outro caso, a morte de Sonia Baker, assistente de Stephen Collins, membro ativo de uma comissão de investigação do Congresso aos Negócios e Actividades de uma empresa de segurança privada, a PointCorp.

 Stephen Collins recebe a notícia quando se encontra numa audiência e fica claramente devastado, o que faz com que os media especulem e afirmem que os dois eram amantes. Cal McAffrey, era amigo de longa data de Stephen e acredita que este está a ser alvo de uma manobra de desacreditação por parte da empresa de segurança privada e começa a sua investigação. Della Frye, uma ambiciosa jornalista política, redige no espaço online do jornal, e tenta encontrar a ligação entre o homicídio do jovem drogado e o suposto suicídio de Sonia Baker, com a ajuda do jornalista Cal McAffrey.

O filme termina com o jornalista a redigir a reportagem, com o elenco da sua redação no seu redor, aguardando o resultado final.

O filme retratado está inteiramente relacionado com os conceitos principais do Jornalismo, como por exemplo, as rotinas do Jornalismo de investigação, a proteção das fontes, a manipulação da informação, os valores notícia, o agenda setting, o news making, a relação entre o jornalismo e o poder político e a relação entre os jornalista e a organização para a qual trabalha.

Assim, o principal foco é o Jornalismo de investigação, que requer tempo para retratar um assunto, com interesse para os leitores, com o máximo de pormenores, procurando levar os leitores para o local do acontecimento. Para isso deve recolher as informações in loco e relacionar-se com as fontes, de forma profissional. O jornalista deve sempre proteger as fontes e reproduzir com fidelidade o que foi contado, para não prejudicar ninguém.

Um dos fatores importantes para a realização de um bom trabalho é a relação existente entre os jornalistas e a organização para a qual trabalham, na medida em que todos os trabalhos são realizados com um propósito, financeiro, de vendas. Porém, como o filme reporta, o mais importante não é ser diretor ou chefe, mas sim desempenhar as suas funções da melhor forma possível e manter uma boa relação com os colegas.

Em suma os jornalistas, neste caso de investigação, deparam-se com situações inesperadas que tem que ser analisadas com bastante cuidado, para proteção das suas fontes e de todas as pessoas envolvidas no caso.

 

Francisca Gonçalves

publicado por inesousalmeida às 20:38

 

 Ligação Perigosas (State of Play) é um filme norte-americano realizado por Kevin Macdonald. Este drama policial retrata a jornada de um jornalista, Cal McCafrrey (Russel Crowe), num jornal, o Washington Globe. A película centra-se num caso que envolve uma empresa militar privada, PointCorp, o governo norte-americano e em especial, um velho amigo do jornalista, o senador, Stephen Collins (Ben Affleck).

Eliminando qualquer laço na relação de amizade que existia entre os dois, o jornalista é obrigado a optar pela ética e integridade profissional, para investigar a fundo o amigo/senador que põe em risco a reputação do governo norte-americano. O senador é também preso, com a ajuda de Cal McCafrrey.

Esta história complexa, representa as complicações a nível político que tanto se fazem sentir em todo o mundo. O filme ajuda a compreender que essas dificuldades nem sempre estão á vista da sociedade, estão é a ser abafadas pelo governo para não prejudicar o seu cargo e os privilégios. Este thriller demonstra também o esforço do jornalismo para desvendar a verdade, visto que faz parte do interesse público. Enquanto confrontados com obstáculos éticos, o filme mostra todas as decisões tomadas pelos jornalistas e sua jornada, na íntegra.

O filme tem também uma ligação com alguns elementos da teoria do jornalismo que se destacam na película como, as fontes oficiais e oficiosas, os valores-notícia e o jornalismo de investigação e os seus componentes. É de salientar a relação complexa do poder político com o jornalismo, porque tem o poder de influenciar, condicionar e decidir.

Esta longa-metragem demonstra um lado do jornalismo muito bem desenvolvido, que é a luta que existe entre o sensacionalismo e a busca da total verdade de um acontecimento, isto é, o jornalismo de investigação.

O realizador fez questão de valorizar e relembrar à sociedade da verdadeira e antiga definição do jornalismo, juntamente com o papel árduo e corajoso dos jornalistas. Fez também sobressair o sentido de oportunidade que o jornalista pode vir a ter, se tiver coragem de arriscar em certas alturas da sua carreira.

Mas o principal ponto de atenção é o conceito do jornalismo de investigação, onde o jornalista procura mostrar à sociedade todos os elementos verdadeiros de um acontecimento, apoiando-se a 100% nas fontes e na relação que mantém com elas.

Apesar de ser uma vertente pouco explorada, o jornalismo de investigação explora acontecimentos polémicos e principalmente com teor corruptivo.

 

Inês Sousa

publicado por inesousalmeida às 20:27

Junho 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30


pesquisar
 
blogs SAPO